Migration
Migração e Fuga são fenómenos universais. As suas principais origens, têm a ver com injustiças económicas e sociais, com o agravamento da pobreza sobre a terra, com catástrofes ecológicas, com guerras, assim como com a expulsão e a perseguição política de grupos sociais/étnicos ou até de povos inteiros.

Por isso, em todos os países do mundo "está na ordem do dia" discutir-se sobre questões de migração e as possíveis soluções para o mesmo fenómeno. Tais discussões são geralmente controversas, fortemente emocionais e, não raramente, abusivamente aproveitadas para fins eleitorais. Alguns políticos aproveitam-se dos medos difusos de certas camadas da população quanto a uma possível concorrência ou quanto ao perigo de uma invasão de usos e de costumes que venham de fora para, com as suas palavras mal ponderadas, atearem o ódio, o racismo e o nacionalismo contra minorias estrangeiras ou sociais.

Em muitas metrópoles europeias, uma grande parte da população é constituída por pessoas de origem estrangeira. Por isso, as questões da migração, da convivência entre grupos de pessoas de origens e costumes completamente diferentes, vão ser cada vez mais determinantes para a política urbana do futuro.